Início

E se fosse eu?

Imprimir

"E SE FOSSE EU? FAZER A MOCHILA E PARTIR"

O Dia 6 de abril ficou marcado por uma iniciativa de sensibilização, mobilização educação para a cidadania, que pretendeu demonstrar às crianças e aos jovens as dificuldades e os dramas pelos quais passam os refugiados para fugir da guerra.

A turma M5, 2.º ano do Centro Escolar de S. Martinho de Mouros (CESMM) disse SIM ao desafio!

Foi muito difícil para nós meter dentro da mochila alguns bens e deixar outros que gostaríamos de levar mas o pior foi mesmo "vestir o papel" de refugiados e sentir a dor e o drama de ter que fugir e deixar para trás todo o conforto das nossas casas e procurar proteção humanitária.

Percebemos que não é fácil para essas pessoas deixarem as suas vidas, o seu país, a sua língua e terem de fugir e viver em campos de refugiados com poucas condições e viver em tendas ao frio, à chuva e a dificuldade que sentem por não poderem comunicar por falarem línguas diferentes.

O vídeo que visualizámos veio fazer-nos sentir quão felizes somos por não vivermos num país em guerra e ao mesmo tempo percebermos que ao contrário dessas pessoas temos tudo e não damos conta!

Hoje somos mais solidários porque percebemos o que estas pessoas sofrem e comprometemo-nos a acolher bem aqueles que só trazem uma mochila consigo e que tiveram de deixar as suas vidas nos seus países

Turma M5 - CESMM


 

 

FreshJoomlaTemplates.com
Tuesday the 26th. Agrupamento de Escolas de Resende