Reunião de coordenação Erasmus+ em Bruxelas

Ente os dias seis e oito de junho, decorreu, em Bruxelas, o último encontro transnacional de coordenadores do projeto ” Citizen 3.0″, uma parceria da Escola Secundária de Resende com estabelecimentos de ensino da Letónia, França, Estónia, Espanha e Hungria.
Os trabalhos incidiram na avaliação das atividades realizadas ao longo dos dois anos de duração do projeto e na apresentação oficial do “Curriculum Competição Digital do Ensino Secundário”, um compêndio de sessenta e seis planos de aulas criado pelos alunos e professores das seis escolas envolvidas na parceria.
“Há sessenta e seis planos de aulas para usar”, disse Eduardo Ruiz, coordenador do projeto, “que abordam os elementos da cidadania digital em que trabalhámos durante estes 24 meses: a definição de literacia digital, as competências da informação, os aspetos legais como a propriedade e os direitos autorais, o mundo das redes sociais, a pegada digital e os riscos da internet”.
No caso da Escola Secundária de Resende, este projeto permitiu a realização de vinte e quatro mobilidades internacionais de alunos e professores.
Todos os representantes das escolas intervenientes no projeto manifestaram a intenção de vir a colaborar em projetos futuros.

Alunos da Escola Secundária de Resende em intercâmbio na Eslováquia

Entre os dias dez e dezasseis de março, em Šaštín-Stráže, realizou-se o último intercâmbio de alunos do projeto Erasmus+ “Citizen3.0”, em que está envolvido o Agrupamento de Escolas de Resende, juntamente com outras escolas da Eslováquia, França, Espanha, Letónia e Hungria.
Durante essa semana, acompanhados por alguns professores, os alunos visitaram vários locais, tais como as instalações do centro de televisão “TV Markiza”, o centro histórico de Bratislava, a cadeia montanhosa Tatras, a Ice House e a galeria de arte Tricklandia. Os estudantes também puderam aprender uma dança tradicional do país, com o apoio dos alunos eslovacos e de alguns professores.
“Todas as atividades permitiram que desfrutássemos de paisagens e lugares maravilhosos. Esta semana proporcionou-nos vivências muito positivas e enriquecedoras, aos níveis cultural, histórico e pessoal, tendo-nos permitido também desenvolver o espírito de entreajuda. Partilhámos momentos inesquecíveis e muito divertidos. Tivemos oportunidade de contactar com costumes e hábitos diferentes dos nossos, que nos enriqueceram enquanto estudantes e enquanto pessoas. As famílias eslovacas receberam-nos de braços abertos e tudo fizeram para que nos sentíssemos em casa e nos integrássemos no seu ambiente familiar. Na hora da despedida, ficou a sensação de querermos voltar. Foram muitos os abraços e as lágrimas . É enorme a vontade de repetir a experiência!”, referiu a aluna Inês Xavier.