Iluminar o presente com tecnologia do futuro

A luz é um elemento fundamental para dar brilho e beleza às coisas que o mundo nos oferece e, aliada à tecnologia, permite obter autênticas obras de arte, assim como aplicações benéficas para a saúde. Esta inquietação está também na raiz dos cursos profissionais, formar técnicos que utilizem as competências e a criatividade ao serviço da comunidade, numa simbiose entre o sustentável, o bem-estar e o desenvolvimento económico. No passado dia 23 de junho, os Cursos Profissionais Técnico de Instalações Elétricas, Técnico de Mecatrónica, Técnico de Sistemas e o PIEF, com as turmas 1E/F e 3E/F realizaram uma visita de estudo às instalações da empresa de Castros e Iluminações, em São Félix da Marinha, acompanhados pelos professores de EMRC, Mecatrónica, Sistemas Elétricos e da turma PIEF. Esta empresa familiar completou há poucos dias cem anos de existência e vai na sua quarta geração de gestores portugueses. A visita foi-nos orientada pelos diversos engenheiros de cada uma das secções que nos explicaram, em pormenor, todo o processo de construção das iluminações festivas que vemos em muitas das cidades de Portugal, Inglaterra, Dubai, França… ou centros comerciais, por ocasião do Natal. Desde a ideia que surge no papel em branco, à sua construção gráfica, à transformação para estrutura metálica, acrílica ou polietileno, à implementação das mais diversas lâmpadas ou LEDS até às imagens interativas comandadas por placas informáticas, tudo é construído e montado nesta empresa. Quem observa o produto final, não imagina quantas horas de criatividade, de estudo e ensaio estiveram na criação de uma peça, por exemplo um arco de Natal ou um pinheiro gigante de Natal iluminado. Em todas as seções fomos alertados para a falta de mão de obra técnica específica como: soldadores, metalúrgicos, eletricistas, informáticos, designers e inclusive a ausência de líderes de equipas técnicas de trabalho ou de montagem na rua das próprias peças. É fácil encontrar quem faça, mas quem lidere e coordene o fazer é muito difícil. Talvez aqui a escola possa exercer uma boa ajuda, ao promover cursos que formem líderes e gestores de trabalho. Esta empresa está em expansão e atenta às novas tecnologias e à sustentabilidade abrindo-se a novas formas de projetar a luz e da sua aplicabilidade à habitação e à saúde, como é o caso da sua mais recente criação de parceria com a Matglow, CENTITVC e o Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes, o UVtizer, que utiliza a radiação de UV-C, para a inativação do vírus SARS-COV2, em espaços físicos e ventilação. A Matglow procura aplicar as mais recentes descobertas de luz nos diversos materiais como betão, cerâmica, têxteis, madeira… Estamos todos agradecidos à Castros Iluminações e Matglow pela forma simpática e desafiadora com que nos orientaram nesta manhã permitindo adquirir conhecimento e fazer-nos despertar, em cada um de nós, o “bichinho” para um trabalho mais técnico, inovador e sustentável. A tarde serviu para convivermos dando um passeio agradável pelos jardins e praias junto ao Santuário do Senhor da Pedra.

Curso Profissional 3F

Ser artista por uma hora

Neste 3.º período a turma do 8.º A fez uma visita guiada ao Museu Municipal de Resende onde realizou uma atividade, designada por “Ser artista por uma hora”. Os alunos expuseram os seus trabalhos elaborados na disciplina de Educação Visual e partilharam esse momento de uma forma intensa pois foram atores numa sessão fotográfica coletiva.

Visita às Águas de São Cristovão

Na manhã do dia 14 de junho, as turmas B e C do 12.º ano deslocaram-se às instalações industriais das Águas de São Cristóvão, na freguesia de Felgueiras. Usufruíram de uma visita guiada pela fábrica passando pelo processo de enformação das garrafas, enchimento, embalagem e armazenamento das mesmas. Perceberam, também, como decorrem as análises laboratoriais afetas ao processo de controlo de qualidade.

Todos os visitantes se mostraram curiosos e participaram com afinco. Um agradecimento especial à Engenheira Sandra que acompanhou a visita, revelando-se muito disponível até para intercâmbios futuros com a nossa Escola.

Trilhos de Fé com História

Foi com peso e medida que os alunos do 2D, do Curso Profissional de Turismo Ambiental e Rural, e 2E (Ensino Especial e EMRC) realizaram no dia 28 de maio a visita de estudo à cidade do Peso Régua, com o tema: “Trilhos de Fé com História”, no âmbito da disciplina de EMRC e História da Cultura e das Artes.

O ambiente que reinava entre alunos e professores era de curiosidade e ansiedade, para visitar dois lugares emblemáticos do nosso Douro, a Quinta da Pacheca e o Museu do Douro.

Na Quinta da Pacheca fomos recebidos com pompa e circunstância por dois simpáticos guias que nos explicaram os serviços oferecidos por este espaço de enoturismo: restauração, hotelaria, salas de congresso, wine barril, produção de vinhos, SPA, espaços verdes, capela e um atelier de arte orientado pelo artista plástico Óscar Rodrigues. A paz, serenidade e o bom gosto, numa mistura simbiótica com a azáfama dos preparativos para a celebração de um casamento e do acolhimento aos turistas, transportaram-nos para momentos paradisíacos e de sonho. Como é belo o nosso Douro e quantas potencialidades, aqui bem perto de nós, são-nos oferecidas enquanto jovens na idealização dos nossos projetos de trabalho. No final da visita fomos todos prendados com um delicioso sumo de laranja para alunos e um refrescante Porto Branco para os professores.

Retomamos o caminho em direção à Régua atravessando a ponte pedonal, estação da Régua e descemos até ao rio para junto de uma sombra almoçarmos.

A tarde foi preenchida na visita ao Museu do Douro onde sentimos a dureza do trabalho da vinha, a Fé das gentes do Douro expressa em tantas capelas e ermidas que povoam as margens Douro e a quantidade de serviços, projetos, dinâmicas, tecnologia, preocupação ambiental e desenvolvimento rural que o vinho e o Douro têm proporcionado.

Obrigado às duas entidades que nos receberam e estamos certos que saímos todos mais enriquecidos e seguros de que, no Douro, podemos encontrar espaço para desenvolvermos e aplicarmos as competências que este curso profissional nos oferece.

2D, Curso Profissional de Turismo Ambiental e Rural

Técnicos de Turismo pela Rota do Românico

No passado dia 14 de maio, os alunos da turma do 2D, Técnico de Turismo Ambiental e Rural, realizaram um percurso pedestre pela Rota do Românico, que incluiu duas visitas pedagógicas ao Mosteiro de Santa Maria de Cárquere e à Casa da Torre (Anreade). A atividade permitiu conhecer o património histórico e os recursos naturais do concelho de Resende.

Visita à clínica RAN

“A clínica RAN recebeu alguns alunos do 9º ano do Agrupamentos de Escolas de Resende, com o objetivo de promover um maior conhecimento sobre a doença da adição e suas anifestações físicas, mentais e intelectuais.
Os alunos vieram acompanhados pela Dra. Fátima Cardoso (psicóloga) e pela Diretora de turma Salomé Pereira (professora).
O programa terapêutico foi adaptado tendo em conta os objetivos da visita, iniciando com uma palestra sobre a doença da adição e seus comportamentos de risco, seguido de um grupo de sentimentos.
Entendemos ser fundamental colaborar neste tipo de iniciativas, visto ser urgente definir estratégias de educação e prevenção dos comportamentos aditivos nas escolas, priorizar a consciencialização e a promoção de um estilo de vida saudável nos alunos.”

Cientistas no Palácio de Belém

A Presidência da República convidou os alunos do Agrupamento de Escolas de Resende (AER) a participarem no Programa “Cientistas no Palácio de Belém”, no Encontro com a cientista Mónica Bettencourt Dias, em Lisboa. Assim, no passado dia 19 de fevereiro, os alunos do curso de Ciências e Tecnologias, do 12º ano de escolaridade, acompanhados pelos respetivos Diretores de Turma e do Diretor do Agrupamento de Escolas de Resende, deslocaram-se a Lisboa para participarem neste Programa cujo principal objetivo é aprofundar o interesse dos jovens pela atividade científica.
Neste Encontro desenvolveu-se uma sessão de apresentação e debate sobre o trabalho desenvolvido pela cientista, na área da Biologia, durante aproximadamente uma hora, após o que todos os participantes e envolvidos no Programa puderam provar os famosos pastéis de Belém e usufruir da bela paisagem dos jardins do Palácio de Belém e do rio Tejo.
De seguida, os alunos do AER visitaram o Museu da Presidência recordando o que aprenderam em História e adquirindo novos conhecimentos sobre a história de Portugal.
Este dia foi intensamente vivido e ficará na memória de todos os participantes que agradecem à Presidência da República e à Câmara Municipal de Resende por esta oportunidade que lhes foi concedida e que contribuiu para a sua formação.
Saiba mais em: http://www.presidencia.pt/?idc=10&idi=160289

Visita

Os alunos do 1º ano do Curso Técnico Auxiliar de Saúde, da Escola Secundária de Resende, realizaram visitas a lares do concelho de Resende, pertencentes à Santa Casa da Misericórdia, à Irmandade São Francisco Xavier e ao Centro de noite de Felgueiras.
Estas visitas permitiram dar a conhecer as várias valências constituintes destas instituições assim como as atividades aí desenvolvidas.